Daki Semiárido Vivo

Passo 1

Monte a base de sustentação do fogão, que tem como dimensões: 1,80 m de comprimento x 65 cm de largura. Ela deve ser dividida em três partes:

  • Churrasqueira com 30 cm de comprimento e 65 cm de largura;
  • Câmara de combustão de 75 cm de comprimento e 65 cm de largura;
  • Forno de 35 cm de comprimento por 65 cm de largura, mais 40 cm das duas paredes laterais e duas paredes divisórias.

O fogão tem duas paredes divisórias de seu comprimento. Uma parede que divide a churrasqueira da câmara de combustão será construída até na altura que fique duas (02) fileiras de tijolos abaixo da altura da base do fogão. E outra parede ficará na mesma altura da base do fogão, porém com um corte de 0,10 cm no meio da última fileira de tijolos para passagem da fumaça. O mesmo acontecerá com a parede da base onde será construída a chaminé, porém o corte será feito no meio da segunda fileira de cima para baixo onde será construída a chaminé.

Na parede da frente do forno deve-se deixar um espaço do tamanho de um tijolo para a entrada da câmara de combustão do forno;

Passo 2

Encha a base do fogão com argila (barro) ou areia grossa. Na parte da churrasqueira, deve-se encher até as quatro últimas fileira de tijolos. Na parte da câmara de combustão, que fica no meio, encher com argila ou areia até ficarem três fileiras de tijolos sem preencher, da mesma forma na parte do forno;

Passo 3

Na parte da churrasqueira, que é de 30 cm de dentro, coloca uma camada de tijolos deitados e uma leve camada de barro molhado para acabamento;

Na parte da câmara de combustão onde ficarão as panelas, coloca-se metade do espaço de tijolos deitados e a outra de tijolos em pé, um em armação ao outro, depois coloca uma camada leve de barro molhado, preenchendo todos os espaços entre os tijolos para acabamento. Em seguida, constrói uma parede ao lado, deixando apenas o tamanho da câmara de combustão, que será da largura das lajotas;

Depois, monta as armações para serem colocadas as lajotas que são duas (02), na primeira lajota coloca o tijolo em pé e na segunda lajota coloca o tijolo cortado pela metade, depois coloca as lajotas em cima niveladas, para melhor aproveitamento do calor pela panela;

Na câmara de combustão do forno, coloca bandas de tijolos nos cantos da base, depois coloca a lajota em cima em nível.

Passo 4

Para construção do forno, corta-se um vergalhão de ferro fino ou cipó de madeira no tamanho de 80 cm, que pode ser até quatro pedaços, depois o enrola em forma de arco para acomodar os tijolos, formando a parede redonda que envolva toda a lajota do forno, para melhor aproveitamento do calor e ficar de uma forma que o vento ajude a dissipar a fumaça;

Passo 5

Para construção da chaminé, faz-se uma base até a altura da saída de fumaça do forno com tijolos maciços ou o mesmo da construção do fogão, depois coloca dois tijolos em pé para a saída da fumaça. Em cima, coloca os tijolos mordidos, um ao lado do outro, em amarração, formando uma circunferência para circulação da fumaça;

 

– A chaminé precisa ficar na altura de 30 a 50 cm acima do telhado da casa, para melhor funcionamento do fogão e evitar que a fumaça entre na casa;

 

– Os tijolos mordidos são de fácil confecção e devem ser feitos, de preferência, antes do início da construção do fogão para estarem prontos na conclusão da obra. O material usado para sua fabricação é o barro do próprio local, usando uma forma própria desenhada para esse fim, com as seguintes dimensões: 05 cm de altura, 11 cm de largura, 22 cm de comprimento com uma meia circunferência de 11 cm de comprimento e 05 cm de raio;

 

– Depois de pronto, o fogão deve ser testado. Porém recomenda-se esperar 24 horas para colocar o primeiro fogo. Assim, diminui os riscos com rachaduras e quebra das lajotas.