Daki Semiárido Vivo

Passo 1

Encontrar o local apropriado – É preciso limpar e verificar toda a área onde será o Tanque de Pedra, se há fissuras ou pedras soltas que possam gerar infiltrações. Se for necessário, rejuntar algumas partes com cimento.

Passo 2

Construção da parede – É muito importante avaliar o potencial de ampliação da área de armazenamento e da altura da parede. Uma parede baixa permitirá uma lâmina muito fina de água, o que ocasionará maior transpiração e, consequentemente, maior perda da água. Para construir as paredes, utilizam-se as pedras de outra área do próprio lajedo, mas é necessário avaliar se elas não comprometem sua estrutura. Caso não seja possível, pode-se usar pedra de muro de arrimo ou outra encontrada na região e que seja de baixo custo.

Passo 3

Construção da viga de sustentação – Quando o tanque estiver cheio a água fará uma pressão muito forte contra a parede, podendo rachá-la ou mesmo derrubá-la. São necessárias vigas de sustentação nas paredes mais altas, locais onde a parede é curva e onde há maior volume de água. As vigas são estruturas feitas com ferro, pedras e revestidas de concreto. Com a ampliação do tanque de pedra a água fica acumulada durante meses.